Como criar filtros anti-spam no Google Analytics

Sofrendo com referrer spam como ghost spam e crawler spam, e até mesmo com language spam? Aprenda a criar filtros anti-spam no Google Analytics!

Sim, os spammers chegaram no Google Analytics. Já faz um tempão, na verdade, e infelizmente eles vieram pra ficar. Mas não se preocupe: é possível criar filtros anti-spam no Google Analytics!

Uma coisa é certa: Referrer spam pode gerar uma dor de cabeça enorme com suas estatísticas, principalmente se seu site tem poucos acessos (aí a diferença vai ser enorme). Ghost spam, crawler spam, language spam… sim, spam até de idioma!

Se você não está familiarizado com nada disso, vou falar um pouco sobre spam no Google Analytics e como você pode resolver parte do problema.

Problemas com spam no Google Analytics

referrer spam google analytics
Referrer spam, ou spam de referência no Google Analytics: Chega!

Provavelmente você já viu diversas urls “diferentes” na parte de “Referências” nos relatórios de seu GA (sigla para Google Analytics), certo? E provavelmente você acessou os links por curiosidade e não encontrou seu link por lá.

A má notícia é que esses acessos são “fantasmas”: nenhuma pessoa de verdade acessou seu site através dessas urls. Isso é spam – um número aleatório de acessos fantasmas são gerados justamente para que você veja o link e o acesse. Não satisfeitos com e-mails, perfis fakes em redes sociais e comentaristas fakes, os spammers estão em seu GA também.

Tipos de spam no Google Analytics

Pelo que vi até hoje, esses 3 são os mais conhecidos:

  1. Ghost spam: O spam fantasma. Nesse caso, ninguém (ou nada) acessa seu site. Os dados são gerados através do protocolo de medição, que permite que dados sejam enviados diretamente ao Google Analytics. Esse tipo de spam é mais fácil de ser bloqueado.
  2. Crawler spam: Aqui há um “robô” que acessa seu site como se fosse uma pessoa. Esse é mais complicado de bloquear.
  3. Language spam: Esse na verdade é um tipo de spam feito dos dois jeitos acima, mas só afeta os relatórios de idioma.

Como resolver isso? Criando filtros anti-spam no Google Analytics, é claro!

Como criar filtros anti-spam no Google Analytics

Vi várias dicas, e o melhor texto que encontrei sobre o assunto é esse aqui: Filtro anti-spam no Google Analytics.

Minhas dicas são basicamente as mesmas, com algumas pequenas mudanças. Vamos lá: A primeira coisa que você deve fazer é acessar a conta de seu Google Analytics, abrir a conta do site que deseja editar e ir em “Administrador” > “Vista da propriedade” > “Visualizar configurações”. Em “Filtragem de bots“, marque a opção “Excluir todos os hits de bots e indexadores conhecidos“.

filtros anti-spam no google analytics
Alguns dos filtros anti-spam que estou usando.

Depois de salvar, Vá em “Filtros”, no menu lateral. Agora é só seguir as dicas abaixo! Ah, essas dicas ficam valendo a partir do momento em que você as aplica – ela não limpa os dados antigos de seu GA.

Ghost Spams: Filtro de hostnames válidos

Clique em “Adicionar filtro“. Em “Nome do filtro”, coloque “Hostnames válidos“. Em “Tipo de filtro“, defina “Personalizado” > “Incluir” > “Nome do host“. Em “Padrão de filtro” você deverá inserir algo como isso, mas com seu domínio:

fabiolobo\.com\.br|googleweblight\.com|googleusercontent\.com

Para chegar a esse resultado, no painel de “Relatórios” eu fiz o seguinte caminho: “Público-Alvo” > “Tecnologia” > “Rede” > “Nome do host” e selecionei o maior período no relatório, que foi a data que instalei o GA até hoje, por exemplo. Aí, adicionei todos os endereços onde meu GA está instalado, que é meu site – os outros endereços do Google têm relação com AMP e cache, por exemplo. Como spammers utilizam hostnames inválidos, essa solução vai praticamente acabar com os problemas de ghost spams em seu GA.

Crawler Spams: Filtro de origem da campanha

Esse tipo de spam utiliza hostnames válidos, então é preciso criar um novo filtro. Aliás, vários novos filtros.

Clique em “Adicionar filtro”. Em “Nome do filtro”, coloque “Crawler Spam 1”. Em “Tipo de filtro”, defina “Personalizado” > “Excluir” > “Origem da campanha“. Em “Padrão de filtro” você deverá inserir uma dessas linhas para cada filtro (por isso o nome sugerido é “Crawler Spam 1” – você deve criar um filtro para cada linha dessas:

(best|dollar|success|top1)\-seo|(videos|buttons)\-for|anticrawler|^scripted\.|\-gratis|semalt|forum69|7make|sharebutton|ranksonic|sitevaluation|dailyrank|vitaly|profit\.xyz|rankings\-|dbutton|\-crew|uptime(bot|check|\.com)

responsive\-test|torrent\-to|magnet\-to|dogsrun|tkpass|free\-video|keywords\-monitoring|pr\-cy\.ru|fix\-website|checkpagerank|seo\-2\-0\.|platezhka|timer4web|share\-buttons|99seo|3\-letter

(videos|darodar|priceg|buttons\-for(\-your)?\-website|makemoneyonline|blackhatworth|hulfingtonpost|o\-o\-6\-o\-o|(social|(simple|free|floating)\-share)\-buttons)\.com|econom\.co|ilovevitaly(\.co(m)?)|(ilovevitaly(\.ru))|(humanorightswatch|guardlink)\.org

(best(websitesawards|\-seo\-(solution|offer))|get\-free(\-social)?\-traffic(\-now)?|googlsucks)\.com|(domination|torture)\.ml|((rapidgator\-)?(general)?porn(hub(\-)?forum)?|4webmasters)\.(ga|tk|org|uni)|(buy\-cheap\-online)\.info

(event\-tracking|semalt(media)?|(best|100dollars|success)\-seo|chinese\-amezon|e\-buyeasy|rankings\-analytics|rednise|video\-\-production|theguardlan|webmaster\-traffic)\.com|traffic(monetize(r)?|2money)\.(org|com)|pops\.foundation|erot\.co

free\-floating\-buttons\.com|(justprofit|best\-seo\-software)\.xyz|snip\.to|claim42100975\.copyrightclaims\.org|adf\.ly|search\.smartshopping\.com

Esse filtro precisa ser atualizado constantemente, infelizmente, já que sempre surge um novo domínio pra spams. É só ficar de olho em suas estatísticas ou pesquisar por listas de spammers.

Language Spams: Filtro de idiomas

Sim, tem spam até nos idiomas! Certamente você já viu algo como “Secret.ɢoogle.com You are invited! Enter only with this ticket URL. Copy it. Vote for Trump!” em seu GA. Irritante, não?!

Clique em “Adicionar filtro”. Em “Nome do filtro”, coloque “Idiomas“. Em “Tipo de filtro”, defina “Personalizado” > “Excluir” > “Configurações de idioma”. Em “Padrão de filtro” você deverá inserir o seguinte:

\s[^s]*\s|.{15,}|\.|,

Só isso! #foraTrump

Mais dicas para acabar com os spams de referência no Google Analytics?

Há várias dicas, depende de cada necessidade. Não gosto de utilizar o .htaccess para criar mais filtros anti-spam no Google Analytics, por exemplo. Mas se você tiver alguma outra dica, sinta-se à vontade para colocar nos comentários! Quanto mais ajuda para acabar com os spams, melhor pra todo mundo.

Não é permitida a reprodução integral desse conteúdo. A cópia pode ser ruim para você!

Do que você está precisando?

Um site novo? Suporte para WordPress? Criação de logo? Outra coisa? Fale comigo!

Quero um orçamento

Leia também...

...alguns textos que têm a ver com o assunto:

Como evitar que seu e-mail vá direto para a pasta de spam dos seus clientes

Saiba como evitar que seu e-mail vá direto para a pasta de spam com as dicas do site mail-tester. A não ser que você seja um spammer, aí não tem jeito!

Deixe seu comentário

Se você deseja um orçamento, entre em contato clicando aqui.

Quero um orçamento