Dicas para vender pelo WhatsApp Business

Sim, é possível vender pelo WhatsApp. Confira minhas dicas para profissionalizar seu atendimento com o app e gerar mais vendas de produtos e serviços.

Por Fabio Lobo, publicado em 15/12/2020.

Há pouquíssimo tempo, se alguém te falasse que vender pelo WhatsApp era uma possibilidade com muito potencial, certamente você acharia isso uma maluquice. Afinal, como um aplicativo de troca de mensagens pode ser utilizado como ferramenta de vendas?

Por outro lado, para quem tem um negócio hoje em dia, é praticamente obrigatório ter um canal de contato com o cliente através do WhatsApp. E se o foco do seu negócio é em vendas, sim, a ferramenta tem um potencial enorme para aumentar as suas conversões e, consequentemente, seus lucros.

Se você gosta de estatísticas, em 2020 a média de mensagens trocadas diariamente entre usuários é de 42 bilhões. Além disso, há mais de 1 bilhão de grupos existentes na plataforma.

Só no Brasil, inclusive, o WhatsApp tem mais de 120 milhões de usuários. São números expressivos que provam a força da ferramenta de mensagens mais famosa do mundo.

Continue lendo para descobrir todo o potencial de vendas adormecido em seu negócio, esperando apenas uma oportunidade para aumentar os seus lucros.

Prepare-se para mudar a forma como você utiliza o Whatsapp no seu dia a dia!

close no ícone do whatsapp em um smartphone; à frente, o texto Venda pelo WhatsApp

O que é o WhatsApp Business?

O Facebook sempre soube do potencial do Whatsapp. Não foi à toa que Mark Zuckerberg pagou US$ 16 bilhões, ou o equivalente a 53 bilhões de reais em 2014, para comprar o aplicativo.

O mensageiro instantâneo já vinha se destacando entre usuários desde 2009, ano de seu lançamento, quando começou a substituir os famigerados SMSs das operadoras de celular.

Com o número de usuários crescendo exponencialmente, era questão de tempo até que uma das grandes empresas do Vale do Silício fizesse uma oferta pela ferramenta. E quando ela veio, não era para recusar.

De 2014 para cá, muito se questionou sobre como o Facebook exploraria o WhatsApp. Principalmente como ferramenta comercial, por exemplo, uma vez que ele se tornou um importante instrumento de comunicação e vendas para muitas marcas.

Tivemos a resposta no início de 2018, com o anúncio do Whatsapp Business, versão corporativa do mensageiro para pequenas e médias empresas com funcionalidades voltadas exclusivamente para o uso nos negócios.

Opções do WhatsApp Business

Entre as funcionalidades do WhatsApp para negócios, há a possibilidade de criar um perfil da sua empresa com informações úteis como endereço, site, e-mail e horário de funcionamento.

E, mais recentemente, catálogo de produtos e botão de compra com opção de pagamento.

O futuro das mensagens de negócios

Além disso, a versão business também oferece algumas métricas úteis como número de mensagens enviadas, mensagens entregues e mensagens lidas. São métricas importantes que avaliam a efetividade do seu atendimento.

Outra funcionalidade que vai ajudá-lo no dia a dia é a possibilidade de criar mensagens padronizadas, que podem servir como um primeiro contato com os clientes.

Mas é bom se atentar: o grande diferencial no atendimento via WhatsApp, é o atendimento pessoal que o cliente busca.

Então, as mensagens automáticas devem servir para situações genéricas como boas vindas ou a informação de indisponibilidade de atendimento, comum em situações fora do horário comercial.

Por fim, o aplicativo também traz a opção de criar etiquetas, ou “labels”, para marcar mensagens e usuários. Assim você pode acompanhar a jornada de seu cliente e oferecer o melhor atendimento possível.

Como vender pelo WhatsApp Business?

A dúvida que não quer calar! Criei esse post justamente para oferecer as melhores dicas para vender produtos e serviços no WhatsApp.

O mensageiro funciona como qualquer outro ponto de venda do seu negócio. Então, também precisa de planejamento, disponibilidade e uma razão de existir.

A partir do momento em que você decide usar o WhatsApp como uma ferramenta de comunicação do seu negócio, é necessário comprometimento. Afinal, a satisfação do seu cliente ou a conversão de um possível comprador estarão em jogo.

Sendo assim, a minha primeira dica é:

1 – Use o WhatsApp do jeito certo

printscreen de mensagens no WhatsApp
Exemplo de mensagem rápida para abordagem de venda.

Torne o WhatsApp uma ferramenta relevante em seu negócio. Não deixe o número em seu site, cartão de visitas ou assinatura de e-mail apenas como enfeite.

Quando o cliente entra em contato através do Whatsapp, ele espera um retorno. De preferência o mais breve possível.

A diferença entre uma venda e um cliente frustrado está no tempo em que você demora para atendê-lo.

Sendo assim, tenha uma pessoa ou uma equipe dedicada ao atendimento via WhatsApp. De preferência alguém com bom conhecimento do seu negócio e de vendas, e que saiba falar de maneira clara e correta com o cliente.

Seja sempre educado, ágil e cortês.

2 – Gere contatos com cadastros

Da mesma forma que uma empresa precisa construir um mailing ou uma base de clientes, com o uso do WhatsApp no seu negócio torna-se essencial gerar novos contatos através de cadastros, formulários ou campanhas de geração de leads.

Através de um cadastro em seu site, por exemplo, deixe claro para os seus clientes ou leads que você poderá entrar em contato através do WhatsApp enviando conteúdos relacionados ao negócio.

Isso é essencial para que o cliente não se sinta incomodado ou pego de surpresa com algum tipo de spam.

Em qualquer base de contatos, o opt-in é essencial. É a autorização que o cliente fornece para que você utilize os dados cadastrados para entrar em contato com ele.

3 – Segmente seus clientes

Um cadastro bem feito possibilita segmentar seus clientes de acordo com interesses, localização, faixa-etária e muito mais. Quanto mais bem segmentado, mais fácil trabalhar uma comunicação assertiva e personalizada para o seu público.

O WhatsApp Business ainda não é tão robusto quanto alguns CRMs ou plataformas de e-mail marketing. Mas com criatividade e planejamento é possível fazer um bom trabalho de segmentação.

Você pode optar por um CRM para WhatsApp, como o WhatStation da RD Station.

Ao capturar os dados de seus clientes, tente salvá-los de acordo com o perfil desejado.

Por exemplo, se você tem uma revenda de smartphones, adicione ao lado do nome do cliente a marca pelo qual ele demonstrou interesse:

  • Fabio Lobo – Motorola E5
  • Jane Doe – iPhone 3G
  • Nando Merino – Nokia 3310
  • Janio Sarmento – ObaSmart 3

Saiba que mensagem mandar, quando mandar e para quem mandar. Essa é a melhor maneira de atingir seu cliente com o que ele espera e deseja da sua marca.

Dessa forma, você consegue criar listas de transmissão para os contatos interessados em cada uma dessas marcas. Veja a dica no tópico a seguir!

4 – Use as listas de transmissão

Uma das melhores ferramentas do Whatsapp é a lista de transmissão.

Ao contrário dos grupos, que podem ser um tiro no pé dependendo de como são usados, as Listas de Transmissão permitem que você envie uma mesma mensagem para até 256 contatos diferentes.

A mensagem será entregue de forma privada para cada um dos contatos, criando uma nova conversa. É como se fosse um e-mail marketing por mensagem!

Em conjunto com uma base de contatos bem segmentada, as listas de transmissão podem ser uma excelente forma de gerar mais conversões para o seu negócio.

5 – Crie conteúdo de qualidade

A verdade é que ninguém gosta de receber mensagens aleatórias, seja no e-mail ou, principalmente no WhatsApp. Muito menos spam.

Para não perder um cliente, envie apenas conteúdos relevantes e de qualidade.

Estude o perfil do seu público, estude suas segmentações e, a partir daí, elabore mensagens, imagens ou vídeos curtos que estejam de acordo com o interesse da sua base.

Caso você tenha um blog, compartilhe artigos que façam sentido para a sua base.

Mas não envie mensagens diárias. Em vez disso, opte por criar Status, que são as Stories do WhatsApp.

6 – Crie Status, os Stories do WhatsApp, diariamente

Em vez de mandar mensagens todos os dias para seus contatos, use e abuse da função Stories do WhatsApp: Status.

Crie conteúdos curtos e diretos com informações, curiosidades, promoções e por aí vai. Não pense apenas em vendas, mas em engajamento.

Seus contatos poderão ver suas atualizações quando desejarem e você terá estatísticas sobre quem visualizou seus status.

Assim você vai ter uma ideia de quem te acompanha mais assiduamente, e poderá pensar em campanhas específicas para essas pessoas.

7 – Use um botão de compartilhamento via WhatsApp em seu site

exemplo de botões de compartilhamento
Exemplo de botão do WhatsApp para compartilhamento.

Caso você faça um trabalho de conteúdo em seu site, seja através de blog ou outra mídia, ofereça a oportunidade de seus usuários compartilharem os links via WhatsApp.

Por mais que esta dica não seja necessariamente voltada para a utilização do mensageiro na sua jornada de venda, é cada vez mais comum os usuários compartilharem conteúdos direto no WhatsApp de amigos ou grupos.

Então, lembre-se de que ter um site ainda é essencial para quem deseja vender mais pela internet. O WhatsApp é uma excelente ferramenta para impulsionar suas conversões, mas pode se tornar obsoleto em um piscar de olhos.

8 – Mais relacionamento e menos venda

O WhatsApp é um mensageiro instantâneo, não é um balcão de negócios.

Por mais que as dicas deste artigo sejam para aumentar as suas vendas, lembre-se que, antes de qualquer coisa, o relacionamento é um dos pilares fundamentais para o sucesso de um negócio.

Não tente vender a qualquer custo.

Converse com o seu cliente, ofereça conteúdos que ajudem durante a sua jornada de compra, levando-o através do seu funil de vendas.

Muitas vezes o usuário chega ao seu WhatsApp da mesma forma que chega ao seu blog ou site: ele tem um problema que ainda não sabe exatamente o que é.

Sabemos que o seu produto ou serviço pode ser a solução. Mas antes de tentar vender, relacione-se.

Converse, oriente, faça o cliente em potencial entender que você tem o que é necessário para o que ele precisa.

9 – Utilize o WhatsApp Web

Se você é como eu, que não consegue se acostumar com o teclado do celular de jeito nenhum, não entre em pânico!

Para agilizar o atendimento e facilitar o trabalho, utilize o Whatsapp Web, a “versão desktop” da ferramenta.

É bem melhor digitar em um teclado de computador. Além disso, você consegue trabalhar simultaneamente com outras ferramentas, anexar arquivos, buscar outras informações sem deixar o cliente na mão.

Ou seja, é muito mais produtivo utilizar o computador caso você tenha essa possibilidade.

10 – Crie um catálogo de produtos ou serviços

Como usar o catálogo do WhatsApp Business

A possibilidade de criação de um catálogo de produtos ou serviços torna a prática de vender pelo WhatsApp ainda mais fácil.

Assim, os seus contatos poderão ver seu catálogo dentro do app, sem a necessidade de abrir outro site. Além disso, você pode compartilhar facilmente os itens do catálogo, o que agiliza o atendimento.

Não há funções de e-commerce como carrinho de compras, por exemplo. Mas é possível receber pagamentos pelo WhatsApp, como você pode ver abaixo.

11 – Utilize o botão de pagamento do WhatsApp

O WhatsApp Pay foi lançado no Brasil em junho de 2020, mas no mesmo mês a função foi suspensa pelo Banco Central e Cade.

No momento em que esse post foi escrito o serviço ainda não foi normalizado, apesar de não conter nenhum aviso no site oficial do aplicativo (só no FAQ).

Aliás, o botão “configure agora” ainda está disponível na página do WhatsApp Pay, mas não funciona.

Como ativar o botão de pagamento no WhatsApp Business

O post será atualizado assim que a funcionalidade for reativada.

Até lá, utilize opções de pagamento como PagSeguro, que também permite a criação de um botão, ou Pix, que é um meio de pagamento instantâneo sem taxas.

12 – Coloque o chat do WhatsApp em seu site

Há diferentes formas de colocar um chat do WhatsApp em um site. Em todas elas a intenção é justamente facilitar o contato de um cliente ou interessado, que poderá falar com você diretamente pelo aplicativo quando quiser.

Para criar um link do WhatsApp, basta utilizar este padrão de URL: https://wa.me/5511000000000

Sendo que:

  • 55 é o número do seu país – nesse caso, do Brasil. Não remova esse número.
  • 11 deve ser trocado pelo seu DDD.
  • 000000000 deve ser substituído pelo seu número.

Repare que não há traços, espaços ou parênteses no link. Após a /, devem constar apenas números.

Ao acessar esse endereço o usuário será direcionado ao WhatsApp com seu contato já aberto. Ou seja, não vai precisar digitar seu número e nem adicioná-lo como contato para iniciar uma conversa.

Aqui no meu site, por exemplo, utilizo o chat do WhatsApp diretamente no formulário de contato. Assim, quando um visitante digita os dados do formulário, eu recebo todas as informações no aplicativo.

Se você procura uma solução pronta, pode optar por opções como o GetButton ou um plugin para WordPress.

13 – Utilize o WhatsApp em sua loja virtual

Flores Para Despedida em um laptop, tablet e smartphone

Se você tem uma loja virtual ou um site com catálogo de produtos, pode utilizar o WhatsApp como método de finalização de compra.

É o que o site Flores Para Despedida faz.

Nesse exemplo, o site tem toda uma estrutura de e-commerce, mas não tem opção de carrinho de compras e pagamento. Ou seja, se o visitante quer comprar um produto, ele irá realizar o pedido via WhatsApp.

Então, ao clicar no botão Fazer pedido, abrirá uma janela do WhatsApp com um atendente que fará o atendimento imediato.

Essa é uma estratégia que pode aumentar a conversão de vendas, aliás. Afinal, o cliente terá um contato humano para finalizar a compra, podendo tirar todas as dúvidas na hora.

Se você unir essa dica com as outras doze acima, então, vender pelo WhatsApp vai ser baba!

Dicas de abordagem de venda pelo WhatsApp

  1. Tempo de resposta pode ser decisivo: ou seja, quanto mais rápido você responder, mais chances tem de vender. Se um interessado precisar esperar mais de um dia útil para ter uma resposta sua, já era! Aliás, muitos não têm paciência pra esperar alguns minutos…
  2. Seja prestativo na medida do possível: tire todas as dúvidas do cliente, mostre exemplos práticos e traga todas as informações para dentro do WhatsApp. Ou seja, não se limite a passar links e tentar vender logo.
  3. Faça proveito da urgência e escassez: é uma estratégia que costuma funcionar bastante. Se algum produto estiver no final de seu estoque, entre em contato com interessados para avisar que você está guardando um para ele.
  4. Depoimentos (reais) são bons vendedores: afinal, muita gente pesquisa a opinião de outros compradores pra ver se o produto ou a loja não é uma roubada. Então, se tiver depoimentos, divulgue-os!
  5. Não se esqueça do pós-venda: porque fidelizar um cliente é aumentar as chances de vendas futuras. Pergunte o que o comprador achou do produto, veja se ele tem alguma dúvida. Você também pode mandar uma mensagem depois de algumas semanas, por exemplo, para ver se o cliente precisa de um produto novo.

Créditos das imagens: Freepik, arquivo pessoal e Fake WhatsApp Chat Generator.

Revisão

Como você pode ver acima, vender pelo WhatsApp é possível. Confira abaixo dúvidas comuns sobre o tema!

Como instalar o WhatsApp Business?

Basta acessar o endereço whatsapp.com/business e escolher a opção de download para Android ou iOS. No momento o WhatsApp Business não está disponível para desktop.

Como criar um link do WhatsApp?

Para criar um link do seu número de WhatsApp, utilize a URL https://wa.me/5511000000000. Mantenha o 55, troque o 11 pelo seu DDD e os 0 pelo seu número. Utilize apenas números.

Quais são as taxas do WhatsApp Pay?

O WhatsApp Pay, sistema de pagamentos e transferências pelo WhatsApp, tem uma taxa fixa de 3,99% por transação. O prazo para receber o pagamento é de até 2 dias úteis.

A cópia dos conteúdos e trabalhos deste site não é permitida. Saiba mais clicando aqui!

Quem é Fabio Lobo?

Web designer, desenvolvedor front-end e programador WordPress.

Quem é Fabio Lobo?

Estou há mais de uma década na área. O foco do meu trabalho é em usabilidade, facilidade pro usuário, acessibilidade, SEO e performance.

Também tenho alguns projetos open source, além de prestar consultoria em hospedagem WordPress e criação de conteúdo.

Como posso te ajudar hoje?

Trabalho com consultoria, suporte, manutenção, criação e desenvolvimento.

Fale comigo

Leia também...

...alguns textos que têm a ver com o assunto:

Loja virtual com WooCommerce: vale a pena?

Está pensando em criar uma loja com o WooCommerce? Confira minha opinião, de desenvolvedor para cliente, e saiba se é uma boa ideia ter um e-commerce com o WordPress.

Calendário com datas comemorativas para vender mais

Planeje suas ações de marketing para o ano. Confira as datas comemorativas e feriados do calendário de 2021 e prepare campanhas para sua loja virtual.

O que é template, tema ou modelo?

Saiba o que é template (ou modelo) e quais são os prós e contras. Contém lista para baixar templates para e-mail, vídeos, WordPress etc.

Deixe seu comentário

Se você deseja um orçamento, entre em contato clicando aqui.

Quero um orçamento